Vídeos

Loading...

sábado, 29 de outubro de 2011

SUCESSO DO SEMINÁRIO DO CANGAÇO NO RECIFE

O Seminário do Cangaço, realizado nos dias 25 e 26 de outubro/11 foi um sucesso absoluto. A platéia atenta e participativa lotou o auditório da Livraria Cultura, no Espaço Alfândega, no Recife. Os temas foram aprofundados com muita habilidade, conhecimento e maestria, sob a condução do mediador Clébio Marques, da ARTEPE / Associação dos Realizadores de Teatro de Pernambuco. Os palestrantes foram brilhantes: Wanessa Campos, Adriano Marcena, Vera Ferreira, ANILDOMÁ WILLANS DE SOUZA, Germana e Rosa Bezerra. Sem falar da participação do Voldi, vindo das bandas de Paulo Afonso/BA que mostrou com categoria os novos documentos acerca do nascimento de Maria Bonita. A Prefeitura do Recife está de parabéns pela iniciativa e por oportunizar um debate repleto de contradições, por isso mesmo, atraente. O coordenador geral do evento, Albemar Araújo, foi, no mínimo, um cara arretado! Ao final o GRUPO DE XAXADO CABRAS DE LAMPIÃO, de Serra Talhada,  corou com seu espetáculo, fazendo todo espaço estremecer, dançando o xaxado pra cabra macho nenhum botar defeito.











segunda-feira, 10 de outubro de 2011

KARL MARX - CABRA DE LAMPIÃO FAZ PALESTRA NA FUNARTE

I ENCONTRO FUNARTE DE POLÍTICAS PARA AS ARTES

       O Produtor Cultural Karl Marx Santos Souza, do Ponto de Cultura Cabras de Lampião, estará participando do I Encontro Funarte de Políticas para as Artes, que acontecerá entres os dias 08 e 10 de novembro/2011, no Palácio Gustavo Capanema, no Rio de Janeiro/RJ. Karl Marx participará de uma das Mesas de Exposições de Trabalhos, cujo tema é “Experiências de Gestão e Democratização”, apresentando seu artigo “As Políticas de Fomento e Incentivo à Cultura no Sertão Pernambucano: O caso dos Pontos de Cultura do Sertão do Pajeú”.

       Serão apresentados trabalhos teórico-conceituais e analíticos que discutam o campo da organização e planejamento da cultura; a formação em gestão cultural; os fundamentos e as singularidades do gerenciamento na área da cultura; estudos de caso sobre produção cultural estatal, na iniciativa privada e em instituições da sociedade civil organizada, além de trabalhos que tratem do incentivo do Estado, em suas múltiplas modalidades, a iniciativas de entidades, públicas e privadas, no desempenho ou estimulo às atividades culturais que contribuam para o desenvolvimento de uma sociedade culturalmente democrática.
Aberto ao público em geral, o I Encontro Funarte de Políticas para as Artes será composto por mesa de experiências e de exposições, grupos de trabalho de boas práticas de gestão e mostra artística. Os debates reunirão especialistas, estudiosos e interessados nas questões relativas à cultura. As discussões terão como pano de fundo cinco eixos temáticos: Arte e Tecnologia; Fomento; Artes e Economia Criativa; Gestão de Políticas Culturais; Arte e Sustentabilidade.
O evento visa promover um diálogo qualificado em torno das políticas empreendidas especificamente para as artes no país e divulgar trabalhos teóricos e práticos no campo das ações políticas, das reflexões históricas e teóricas sobre as políticas culturais brasileiras, fortalecendo a atuação de instituições de interesse público, a sociedade civil e agentes culturais que produzem e difundem a arte brasileira no país ou fora dele.
Com essa ação, busca-se um ambiente favorável para a formulação de um diagnóstico mais preciso sobre a realidade das artes no país, uma vez que a reflexão e os estudos são essenciais para a formulação, avaliação e aprimoramento das políticas públicas, que, por definição, atrelam teoria e prática, pesquisa e ação. Além disso, pretende contribuir para o fortalecimento do campo de estudos sobre políticas culturais no país, que vem crescendo nos últimos anos, mas ainda necessita de novos fóruns de intercâmbio e discussão qualificados.

Mais informações: www.funarte.gov.br/encontro



CARLOS SILVA E O CDP PARTEM PRA CONQUISTA DO SERTÃO CENTRAL

PONTINHO DE CULTURA GALPÃO DAS ARTES VIAJA PRA AMAZONAS

8º FESTIVAL DE TEATRO DA AMAZÔNIA - FTA
Dia 15|Outubro (Sábado)16h00
Espetáculo  A INCONVENIÊNCIA DE TER CORAGEM, de Ariano Suassuna.
Praça Heliodoro Balbi
Produção: Pontinho de Cultura Galpão das Artes/Limoeiro –PE
Após o sucesso estrondoso em Serra Talhada, lotando a área externa do Museu do Cangaço, o elenco da cidade de Limoeiro parte pra conquista no Norte do Brasil.
Confirmada a participação do espetáculo A INCONVENIÊNCIA DE TER CORAGEM NO FESTIVAL DE TEATRO DA AMAZÔNIA. Para a investida a produtora limoeirense conta com o incentivo do governo do Amazonas e Federação de Teatro da Amazônia, nesta oitava edição. Assim como, o apoio das prefeituras de Limoeiro e Feira Nova. E as parcerias com a ARTEPE e a Renascer Produções no âmbito institucional. A equipe que viaja dia 14 sai do Aeroporto Guararapes, em Recife - Pernambuco, às 16:45 com uma produção de oito artistas pernambucanos, contando apenas com um natural de Tracunhaém e os demais limoeirenses  . Mais informações pelo endereço eletrônico : http://www.centrodecriacaogalpaodasartes.blogspot.com/