Vídeos

Loading...

segunda-feira, 28 de novembro de 2011

CONVERSA DE ESCRITOR

        Passei o sábado (27) em Serra Talhada. Participamos do Conversa de Escritor - Do Pajeú para o mundo, uma idéia brotada na Jornada Literária Portal do Sertão, lá em Arcoverde, e encampanada na Capital do Xaxado pela Academia Serra-Talhadense de Letras, Fundação Casa da Cultura de Serra Talhada e Fundação Cultural Cabras de Lampião.
     Welington de Melo e Adriano Mascena falaram pra nós e depois ouviram de nós. À noite, lançamentos, música e recital na Concha Acústica.
      Coisa boa. Presenças de Itapetim, São José do Egito, Tuparetama, Tabira, Afogados da Ingazeira e Triunfo, além da anfitriã. Tirando o calor além da conta do lugar, trouxemos muito de positivo e já deixamos um segundo encontro marcado para o final de janeiro, em Tabira.
      Pra sentirem um pouco do que foi o encontro, deixo aí abaixo um verso de Lima Júnior, poeta radicado em Tuparetama, que está brindando o mercado com o livro Uma Cara de Poesia & Uma Coroa de Sonetos ou Cara & Coroa, pra simplificar, como ele diz.
Sonhando com amores na beira do mar

Nos mares da vida navego sem norte
Buscando o encanto dos sonhos que tive,
A certa esperança que em mim sobrevive
Põe-me à deriva, qual nauta da sorte.
Herói suicida da vida e da morte
Procurando um porto para ancorar,
E o mar caprichoso tentando afogar
As mágoas em mim, e meus sentimentos
Matéria intacta, alma em ferimentos
Em prantos de amores na beira do mar.

Não há quem de ruim não tenha bondade,
Não há quem de bom não tenha defeito,
Amor, que de tanto não caiba num peito
Ódio, que de pouco não gere maldade.
Não há como o cão, leal a amizade,
Nem como a mamãe para nos amar.
Mas há mais mistérios que eu possa afirmar,
Entre céu e terra, presente e futuro,
Instante que liga claro com escuro
Entre a flor da água e o fundo do mar.

Não há quem consiga medir a distância
Entre vida e morte, o céu e o inferno,
Nem mesmo a face do Deus que é Eterno
Já foi contemplada em qualquer circunstância.
Não há quem consiga guardar a fragrância
Que a planta do amor consegue exalar.
Mas há uma tribuna, que irá nos julgar
Dando ao bom o céu, e ao ruim o castigo,
É Deus separando o joio do trigo
Pra o banho da gloria nas águas do mar.

(do blog cultura & coisa e tal de Alexandre Morais)

quinta-feira, 24 de novembro de 2011

CHÁ DE CORDEL, EM SERRA TALHADA

CHÁ DE CORDEL
DIA 25/11 (SEXTA-FEIRA)
COLÉGIO MUNICIPAL CÔNEGO TÔRRES

PROGRAMAÇÃO

MANHÃ (9:00 às 11:30)
  • Conferência de Abertura: Prof. José Apolinário (9:00 às 9:30) - Auditório
Tema: Cordel como literatura de resistência
  • Oficina de Cordel: Poeta Paulo Moura (9:30 às 11:30) - Auditório
Tema: Um cordel sobre o cordel   

Coffee break (9:30 as 10:00)


TARDE (14:00 às 17:30)
  • Oficina de Pintura: Jorge Costa (Salão lateral  do Colégio Cônego Tôrres)
Tema: Desenhos estilo xilogravura
  • Palestra com autor belmontense Valdir Nogueira – Auditório
Tema:  “Influências da Arte Armorial”
  • Mesa-redonda: A influência do cordel na cultura nordestina (14:00 às 15:30)
Participantes: Anildomá Williams (Fundação Cabras de Lampião)
                        Rui Grúdi (Poeta e Cantor)
                        Paulo Moura (Poeta)
                        Professor Tião de Triunfo (Professor)

Coffee break (15:30 as 16:00)
  • Apresentação das escolas (16:00 as 17:30)
1.         Ariano Suassuna: O mestre da cultura nordestina – ANTONIO TIMÓTEO
2.         Movimento Armorial 40 anos – CORNÉLIO SOARES
3.         A chegada de Lampião do céu – METHÓDIO GODOY
4.         A chegada de Lampião no inferno – IRMÃ ELIZABETH

Encerramento com a fala da coordenadora do PIBID/LETRAS – Profa. Dra. Dorothy Brito (17:30)
Exposição do que foi produzido na oficina de pintura na área externa da escola


sexta-feira, 4 de novembro de 2011

NOTÍCIAS CURTAS E BOAS - A CULTURA EM EVIDÊNCIA

PALESTRA EM SANTA MARIA - Ontem, dia 03 de novembro/11, ANILDOMÁ WILLANS DE SOUZA, fez palestra no Clube AABB, na cidade de Santa Maria da Boa Vista/PE, num evento promovido pelo Colégio Fênix daquela cidade.  O tema - A VIDA DE LAMPIÃO: CAUSOS E HISTÓRIA - foi motivo de muitos questionamentos por parte de uma platéia formada por professores, alunos, artistas populares e diversos curiosos. O palestrante discorreu sobre a vida do Rei do Cangaço, contando a história como de fato aconteceu e relatando como o imaginário popular diuvulgou. Era interessante como as lendas se confundem com o real. O professor Nelson foi quem cuidou de produzir e mobilizar o público. Ao final da palestra, CLÊNIO SANDES, poeta e atrevido, bisneto da Baronesa de Água Branca, declamou um punhado de versos e causos, fechando com chave de ouro as conversas de cangaceiros.

FUNCULTURA E LAMPIÃO - Serra Talhada aprovou cinco Projeto culturais no Edital do Funcultura /Governo de Pernambuco:
a - Tributo a Virgolino - A Celebração do Cangaço.
b - II Festival de Músicas do Cangaço.
c - Vamos Ler na Barraca, gente!
d - Memória Musical do Cangaço.
e - Viagem ao Interior da Terra.
Seguramente o ano de 2012 será de muita vibração e ação cultural em Serra Talhada.

CENTRO DE TRADIÇÕES NORDESTINAS - O Grupo de Xaxado Cabras de Lampião está arrumando os bornais e matulão pra colocar os pés nas veredas e fazer finca pra São Paulo, onde participarão de uma série de apresentações nos CTNs / Centro de Tradições Nordestinas em São Paulo, Sorocaba, Campinas e outras cidades que estão sendo inclusa na agenda. A viagem está marcada para a primeira quizena de dezembro.

MUSEU DO CANGAÇO COM AGENDA LOTADA - Desde a semana passada que o Museu do Cangaço não para de receber visitantes de várias cidades da região: Petrolina, Carnaíba, Salgueiro, Sertânia, Arcoverde, Recife, São Paulo...São caravanas vindas em pacotes turísticos das escolas ou empresas.

ENCONTRO DE REIS NO MUSEU DO CANGAÇO - No dia 20 de novembro será a abertura da exposição LUA GONZAGA, no Museu do Cangaço, em Serra Talhada. O acervo do Memorial Luiz Gonzaga, do Recife, numa parceria com o SESC/PE, está percorrendo algumas cidades do estado levando o rico acervo que retrata a vida do Rei do Baião. O Museu do Cangaço abrigará a exposição durante um mês, a partir do próximo dia 20. Sendo uma mostra do foi o Rei do Baião, no Museu do Rei do Cangaço, pode se afirmar, sem medo de errar, que será um encontro de reis.

CONCERTO NA TERRA DE LAMPIÃO - A Orquestra Jovem do Conservatório Pernambucano de Músicas se apresentará em Serra Talhada, no próximo dia 11 de novembro (sexta feira), às 20 horas, na Igreja Matriz de Nossa Senhora da Penha. 


terça-feira, 1 de novembro de 2011

Projeto Rondon® Pernambuco lança programa de Turismo Ecológico e Cultural “NAS PEGADAS DE LAMPIÃO”

NAS PEGADAS DE LAMPIÃO - O Projeto Rondon Pernambuco lançará dia 11 de novembro seu novo programa de Turismo Ecológico e Cultural denominado NAS PEGADAS DE LAMPIÃO. A proposta é levar o visitante a conhecer uma rota turística ao longo do Sertão Nordestino seguindo a trajetória e conhecendo a história do Cangaço e as peripécias do Lampião pelas caatingas de Serra Talhada e Triunfo, oferecendo a oportunidade de adquirir conhecimentos de geografia, história, ecologia e arte e cultura sobre aquela região.

A primeira excursão está programada para os dias 11, 12 e 13 de novembro. O grupo deverá partir do Recife às 15 horas em viagem em um ônibus com 25 participantes. Durante todo o percurso o Guia deverá falar sobre a economia, a paisagem, a cultura das cidades que ficam ao longo da BR 232, até chegar ao município de Serra Talhada, onde conhecerão:

a - A Serra Grande, onde aconteceu a maior batalha do cangaço, onde Lampião com 60 cangaceiros enfrentou mais de 400 policiais;

b -  Caiçarinha da Penha, local de batalhas e aventuras do Rei do Cangaço;

c - Conceição de Cima, comunidade que receberá os visitantes para provar das comidas típicas da região;

d - Taupiranga, povoado em que está localizado o Cartório de Registro Civil onde Lampião foi registrado como Virgolino Ferreira da Silva;

e - O Sítio Passagem das Pedras, onde nasceu Lampião;

f - As Pedras,onde ocorreu o primeiro confronto armado entre a família Saturnino e os Ferreiras.

E na séde de Serra Talhada visitarão o MUSEU DO CANGAÇO, onde assistirão ao GRUPO DE XAXADO CABRAS DE LAMPIÃO, cartão postal da cultura nordestina. 

Em Triunfo  serão visitados o Pico do Papagaio, o Museu do Cangaço, a Casa das Almas e o Engenho de Rapadura, são alguns dos trajetos que nortearam essa primeira expedição sertaneja promovida pelo Projeto Rondon Pernambuco em parceria com a Secretaria de Educação do Estado de Pernambuco.

Mais informações no site do Projeto Rondon PE ou através dos Guias Marcelo Cursino (fone 081 9985.2573) e Ivana Vital (fone 081 9968.1690)

Com informações da Assessoria de Imprensa
Penéllope Aquino
Jornalista DRT/PE 4585
Email:
penellope18@hotmail.com
Tel: 81 8896.7608