Vídeos

Loading...

sexta-feira, 28 de agosto de 2015

CINEMA REGIONAL PRESENTE NA FESTA DA PADROEIRA 2015

 
O cinema estará presente na festa de setembro na Capital do Xaxado, com a MOSTRA SETEMBRO DE CINEMA DE SERRA TALHADA - No Espaço do CDP (Rua Henrique de Melo, 195 no centro da cidade às 15h, com ENTRADA GRATUITA; “Pela primeira vez, a programação vai envolver outras formas de cultura, inovando seu conceito com a 1ª Mostra Setembro de Cinema de Serra Talhada. É uma preocupação da gestão da cidade do coração da gente, em mostrar não só a cultura musical, as danças, o teatro de bonecos, mas também abrimos para a sétima arte, já que no município estamos produzindo filmes de boa qualidade”, disse o secretário. 
Para o prefeito, Luciano Duque, “a ideia é que possamos  valorizar a produção cinematográfica de Serra Talhada, além dos nossos artesãos, entre outras artes que produzimos”, destacou.
Os filmes na metragem curta que compõem a grade da Mostra foram produzidos e realizados, a sua maioria na própria cidade, e terá alguns de localidades, como Triunfo, Buíque, Cabrobó, que farão alegria de quem se fizer presente no espaço, após cada sessão que terá duração d uma hora em média é proposto um debate sobre as temáticas dos filmes e sua relação com a educação e o cotidiano. Confira na filipeta a Programação dos filmes e divirta-se nas tardes de setembro no escurinho do cinema.

quinta-feira, 27 de agosto de 2015

SECRETARIA DE CULTURA E TURISMO - CIA. 2 EM CENA REALIZA CURSO DE FORMAÇÃO DE GESTORES DE GRUPOS TEATRAIS EM SERRA TALHADA


Estão abertas, até o dia 11 de setembro, as inscrições para o Projeto Cena Jovem Serra Talhada – Curso de Formação de Gestores de Grupos Teatrais. Destinados aos jovens de 25 a 29 anos do município de Serra Talhada e região, o projeto é uma ação de formação artística e administrativa de gestores de grupos teatrais e tem como objetivo contribuir com a ampliação da cadeia produtiva cultural do referido município de forma sustentável. Com uma carga horária de 120 horas/aulas o curso será dividido em 06 módulos, á saber: 01 - Dramaturgia, 02 - Ator - criador, 03 - Encenação, 04 - Gestão da produção cultural, 05 - Captação de recursos e 06 - Gestão de grupos teatrais.
O projeto conta com o incentivo do Ministério da Cultura, através do Edital Comunica Diversidade 2014 e tem o apoio da Secretária Municipal de Cultura e Turismo, Prefeitura Municipal de Serra Talhada e da Fundação Cabras de Lampião.
O curso será realizado no Museu do Cangaço nos sábados, das 14 às 21 h, e domingos e feriados das 09 às 17 h no seguinte período:


Setembro: 12, 13,19 e 26.
Outubro: 03, 04,11 e 12.
Novembro: 01,02, 07, 08, 14 e 15.



As INSCRIÇÕES SÃO GRATUITAS e podem ser realizadas no Museu do Cangaço, das 08 as 17 h, ou através do e-mail: cia2emcena@gmail.com, basta solicitar a ficha de inscrição.
Maiores informações:
MUSEU DO CANGAÇO - Fone: (087) 3831-3860.
Cia. 2 em Cena de Teatro, Circo e Dança - Fones (081) 3071-2880/ 99665-7271 (Alexsandro Silva ou Arnaldo Rodrigues).


Saudações cangaceiras.
ANILDOMÁ WILLANS DE SOUZA
Secretário de Cultura e Turismo

Serra Talhada/PE.

quarta-feira, 26 de agosto de 2015

LONGA METRAGEM O GIGANTESCO IMÃ ESTRÉIA NESTA SEXTA (28) EM SERRA TALHADA


Após entrar com o pé direito no Circuito Nacional de Cinema 2015, o filme O Gigantesco Imã finalmente chega à cidade do seu personagem central, Evangelista Ignácio de Oliveira. Lançado este ano, o longa metragem já ganhou os seguintes prêmios: Menção Honrosa e Melhor Trilha Sonora no "19º CINE PE", em Recife; Melhor Filme no "19º Festival Florianópolis de Audiovisual Mercosul"; e de Melhor Filme e Melhor Trilha Sonora no "8º Festival de Cinema de Triunfo”. O documentário é dirigido por Petrônio e Tiago Scorza e mostra a saga cinematográfica de um personagem real imerso no universo de uma ciência autodidata. A exibição será na sexta, 28, às 8h, no Centro Dramático Pajéu, na rua Henrique de Melo, 195, Centro.
            Com duração de 1h13min, O documentário filmado nas cidades sertanejas de Serra Talhada e Petrolina é o resultado da convivência de 12 anos entre os diretores do filme e o cientista sertanejo Vanja, como é mais conhecido o protagonista pelas bandas do Pajeú. De acordo com Petrônio: "Evangelista leva a vida reciclando máquinas e equipamentos eletrônicos descartados, com os quais constrói desde câmeras de cinema até armas automáticas", afirma o diretor, que também é nascido em Serra Talhada.
            Agora, a Capital do Xaxado poderá assistir na telona a trajetória desse conterrâneo que já foi entrevistado até no talkshow do Jô Soares, no ano de 2006, quando o curta-metragem O som da luz do trovão, dos mesmos autores, contou algumas das histórias de Evangelista. Dentre as aventuras inventivas de Vanja, uma delas foi a construção de uma asa delta para saltar do ponto mais alto da cidade, ainda na década de 1970. O filme O Gigantesco Imã, que tem gene serra-talhadense, já iniciou sua trajetória conquistando reconhecimento no circuito brasileiro de cinema. Para o público da cidade, eis uma bela oportunidade para conferir a produção.
Contatos para entrevistas: Diretores: Petrônio - cineseco@gmail.com; fones: (81) 99826-0702 e (81) 98347-8687; Tiago Scorza -tcscorza@hotmail.com; fones: (21) 3235-4191 e (21) 98876-7094.
Produtor: Álvaro Severo - fone: (87) 99922 6627 - alvarosevero@gmail.com
Jornalista responsável: Ricardo Brandão - DRT 4203/PE - Assessoria de Comunicação O Gigantesco Imã: (81) 98562-0031 e (87) 98855-0287.

segunda-feira, 24 de agosto de 2015

DIVULGADA PROGRAMAÇÃO DO PALCO CULTURA VIVA NA FESTA DA PADROEIRA

A Capital do Xaxado recebe a partir deste Sábado(29) a festa em homenagem à Nossa Senhora da Penha, padroeira de Serra Talhada. Na praça Sérgio Magalhães, um dos principais pontos da festividade, a estrutura já está sendo montada. No local, será erguido o palco para as apresentações culturais e também religiosas; são 225 anos de tradição.

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO: 
PALCO CULTURA VIVA – FESTA DE SETEMBRO 2015
29/08 - Sábado
21 h. Show Sacro, com Celione David – Filhos de Davi.
30/08 – Domingo
21 h. Final do FESTIVAL CANTANDO NA CONCHA
Banda Retrô
Dia 31/08 – Segunda feira
21 h. Mistura Pernambucana
Teatro de Bonecos: Burrinha da Saudade, de Vitória de Santo Antão.
Petrônio e as Criaturas
01/09 - Terça feira
21 h.Caravana Cultura Viva (Frevo, Hip Hop, Capoeira, Ciranda, Xaxado, Samba de Coco e esquete teatral).
Cristaleira : Música e Poesia
Rai di Serrat




02/09 Quarta feira

21 h. U'Ast de Tua Lábia And The Honoris Caus
Banda Doppamina
Banda Kaêra
03/09 - Quinta feira
21 h. Maracatu Nação Império
Orquestra Sanfônica Zé Dantas
Ítala e Brenda Carvalho
04/09 - Sexta feira
21 h. Balé Popular de Afogados da Ingazeira
Bandavoou
Roberta Aureliano e a Banda Fulô do Maracujá
05/09 – Sábado
21 h. Grupo de Xaxado Cabras de Lampião
Bia Marinho
Bira Marcolino
Lila 

Ítala Carvalho
06/09 – Domingo
21 h. Filhos do Sol, de Iguaracy
Edilma Januário
Los Cubanos
07/09 - Segunda feira
10h America Livre
16h Samba de Raiz e Kkzinho
21h Show Cacá Malaquias e a Orquestra Pifônica de Carnaíba.

Assisão
08/09 - Terça feira
19 h. Show Sacro, com Frei Damião Silva e banda.
Durante a programação visite o BARRACÃO DO ARTESANATO, onde estão expostos o melhor da produção artesanal de Serra Talhada, feito por mãos que constroem a arte da Capital do Xaxado.

quinta-feira, 20 de agosto de 2015

ENCONTRO DEBATE PAPEL DAS ARTES E DA CULTURA NA EDUCAÇÃO BÁSICA


 
Com a participação de arte-educadores, artistas, especialistas, gestores, professores e agentes culturais, será realizado nesta quinta (20) e sexta-feira (21), em Brasília, o Encontro de Cultura e Artes no Currículo, promovido pelo Ministério da Cultura (MinC) com o intuito de promover livre espaço para debate e aprofundamento das diferentes formas de relacionar as práticas artísticas e culturais na educação formal, a fim de discutir a contribuição do campo da Arte e da Cultura nos currículos escolares da Educação Integral.
 
O mote do encontro traz a compreensão das Artes e da Cultura como campo do conhecimento, qualificando os processos de ensino-aprendizagem e reconhecendo as escolas como espaço de produção e difusão da diversidade cultural brasileira.
 
A iniciativa é da Secretaria de Educação e Formação Artística e Cultural (Sefac) do MinC, que tem entre suas principais atribuições a consolidação das políticas intersetoriais entre Cultura e Educação e a construção da Política Nacional de Formação Artística e Cultural. A Sefac já atua em importantes frentes de cooperação entre os ministérios da Cultura (MinC) e da Educação (MEC), com os Programas Mais Cultura nas Escolas, Mais Cultura nas Universidades e Pronatec Cultura.
 
Na abertura, a secretária de Educação e Formação Artística e Cultural do MinC, Juana Nunes, e o secretário de Educação Básica do MEC, Manuel Palacios, lançarão o Portal CulturaEduca.cc, cujas bases serão apresentadas e abertas a consulta pública. Os secretários também anunciarão as perspectivas do acordo MinC/MEC e da Nova Base Nacional Comum Curricular.
 
O evento contará com a presença de pesquisadores, como Miguel Arroyo (UFMG), Sonia Kruppa (USP), Antônio Rubim (UFBA) e Jaqueline Moll (UFRGS), da filósofa e psicanalista Viviane Mosé (UsinaPensamento), e de artistas como Fernando Barboza (Barbatuques), Antônio Nóbrega, Fátima Santos (Ocupa Escola), Inês Barbosa (Associação Brasileira de Currículo), Lydia Hortélio (Casa das Cinco Pedrinhas), Inês Teixeira (Rede Kino) e Juçara Marçal (Metá-Metá), entre outros.
 
Também participarão do encontro o Secretário Nacional de Juventude, Gabriel Medina, o secretário de Educação Básica do Ministério da Educação, Manuel Palacios, representantes dos ministérios do Esporte e Cidades, além de secretários de Cultura e Educação e representantes do Sistema MinC e da rede de Pontos de Cultura.
 
Novo acordo MinC/MEC
 
No encerramento do primeiro dia, os ministros da Cultura, Juca Ferreira, e da Educação, Renato Janine Ribeiro, assinarão a portaria de criação do GT para elaboração do novo Acordo Interministerial MinC/MEC, que consolidará e ampliará as ações já existentes, e anunciarão a criação do Fórum Interministerial de Educação Integral, que contará com a participação de sete pastas. Além da Cultura e da Educação, entram também os ministérios do Desenvolvimento Social, Saúde, Esporte, Secretaria-Geral da Presidência da República e Controladoria-Geral da União.
 
"Diálogos Abertos"
 
O evento é realizado no momento em que se discute, no âmbito do Ministério da Educação, propostas para construção de uma Base Nacional Comum Curricular, processo que receberá contribuições de toda a sociedade brasileira. A troca de conhecimento e experiências promovida durante o Encontro representará a matriz de uma construção dialógica, passível de ser incorporada nos espaços educadores, pensados além dos muros das escolas.
 
Os participantes aprofundarão a reflexão sobre o papel das Artes e da Cultura para o desenvolvimento e formação integral dos seres humanos, pensando-o sob perspectiva dos territórios, das linguagens artísticas e dos saberes culturais, propiciando a formação estética, crítica e social dos indivíduos e o respeito à diversidade.
 
CulturaEduca
 
Durante o Encontro também será lançada a plataforma CulturaEduca (culturaeduca.cc), ferramenta pedagógica virtual criada em Creative Commons, para articulação dos chamados "territórios educativos", espaços onde os diferentes agentes atuantes nos territórios, de bibliotecas públicas a coletivos culturais, artistas e Pontos de Cultura, de prédios históricos a laboratórios de cultura digital, de cinemas a teatros e circos, de movimentos sociais a associações de bairros, dos saberes formais ao saberes populares e ancestrais, de escolas de educação básica a universidades e institutos federais e centros de formação técnica e profissional, são todos considerados como elementos de um processo educacional mais amplo e integrador.
 
Neles, os espaços geográficos, administrativos e sociais se articulam e se mobilizam em torno da escola, como espaços culturais e comunitários, o que permite ampliar as atividades educacionais ao integrar metodologias – formais ou não – que inovem e dinamizem o processo de ensino-aprendizagem e reconheçam os territórios e suas práticas culturais como parte atuante na formação.
 
O culturaeduca.cc vem sendo desenvolvido com a colaboração do Instituto Lidas (lidas.org.br), que finalizou a primeira etapa de implantação após extenso trabalho de sistematização e georreferenciamento de dados de bases secundárias (advindos do IBGE, CRAS, CREAS, UBS), do Ministérios da Educação (escolas de educação básica e integral dos programas Mais Educação e Mais Cultura nas Escolas) e das próprias bases de dados da Cultura, organizando informações sobre bibliotecas públicas, museus, teatros, cinemas, Pontos de Cultura e, ainda, Centros e Museus de Ciências.
 
Na tarde do segundo dia do evento (21), as bases de dados da plataforma serão entregues à Comissão do Sistema Nacional de Informações e Indicadores Culturais (SNIIC). Na ocasião, receberão as bases e os dicionários de dados as secretarias do Audiovisual (SAv), da Cidadania e da Diversidade Cultural (SCDC) e de Educação e Formação Artística e Cultural (Sefac) do MinC, além das vinculadas Fundação Nacional de Artes (Funarte), Fundação Biblioteca Nacional, Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) e Agência Nacional do Cinema (Ancine).
 
As bases de dados estão disponíveis em http://culturaeduca.cc/dados/ em formato aberto, a fim de dialogar com as propostas desenvolvidas pelo Ministério da Cultura, como as plataformas do SNIIC, dos futuros Mapas Culturais e com a plataforma de autodeclaração dos Pontos de Cultura.
 
O CulturaEduca servirá como importante ferramenta de pesquisa das realidades territoriais, ajudando a agregar diferentes setores em torno do processo educacional. A plataforma tem como base de retroalimentação o SNIIC, ao entender a Cultura como alicerce e vetor dos processos de Educação Integral desenvolvidos nos territórios.
 
A segunda etapa de desenvolvimento do CulturaEduca construirá mecanismos de interatividade para que os gestores, artistas, professores e demais profissionais e os beneficiários das ações, nas diferentes áreas e suas comunidades, possam atualizar as informações das instituições, a partir de um login próprio.
 
O CulturaEduca servirá também para a construção de indicadores das ações intersetoriais de Cultura e Educação. Conta, ainda, com um blog, no qual podem ser disponibilizados conteúdos de diferentes fontes, de notícias e relatos sobre experiências, eventos, mostras, seminários, festivais e ações desenvolvidas nos territórios.

CAPITAL DO XAXADO SEDIA 9º ENCONTRO DE CULTURAS POPULARES E TRADICIONAIS EM NOVEMBRO

 
Célebre como terra natal de Virgulino Ferreira da Silva, o Lampião, Serra Talhada, no sertão pernambucano, será palco do 9º Encontro de Culturas Populares e Tradicionais, entre os dias 20 e 29 de novembro. Coordenado pela Rede Nacional de Culturas Populares com o Ministério da Cultura, o evento é feito a cada dois anos e será realizado pela primeira vez no Nordeste.
 
Nesta quarta-feira (19), o ministro Juca Ferreira oficializou a mobilização do MinC para o evento diante de seus organizadores e de representantes de movimentos culturais que participarão dele. "Vamos fazer um grande encontro e algo que nos empodere. O Ministério vai participar ativamente", assegurou ele, que destacou o valor da cultura popular e tradicional para o governo. "Desde que chegamos ao Ministério, temos dado importância a essa dimensão. A primeira coisa que fizemos foi alargar o conceito de cultura. O ministério que encontramos só trabalhava com arte. Quebramos paradigmas."
 
Ferreira apontou os Pontos de Cultura como o marco no processo que passou a distinguir como cultura as mais diversas manifestações populares regionais. "É algo simples que reconhece que o povo faz cultura nas condições mais adversas", disse. 
 
O MinC aproveitará o 9º Encontro de Culturas Populares e Tradicionais para colocar em debate suas principais ações, como a revisão do Plano Nacional de CulturaCultura Viva e Política Nacional das Artes
 
Participaram da reunião quatro secretários do MinC: Ivana Bentes (da Cidadania e da Diversidade Cultural – SCDC), Vinícius Wu (de Articulação Institucional – SAI), Pola Ribeiro (do Audiovisual – Sav) e Guilherme Varella (de Políticas Culturais – SPC). Representou o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) o diretor do Departamento do Patrimônio Imaterial, TT Catalão. O encontro também contou com a presença do senador Humberto Costa (PT-PE), do deputado Gonzaga Patriota (PSB-PE), do prefeito de Serra Talhada e do secretário de Cultura do município.
 
O prefeito de Serra Talhada, Luciano Duque, aproveitou a reunião para agradecer a escolha do município para sediar o evento. "É um motivo de alegria e orgulho", disse. O secretário de Cultura do município, Anildoma Souza, presenteou o ministro Juca Ferreira com um chapéu de cangaceiro e uma cachaça produzida no estado e exaltou a cultura do xaxado da cidade, dança criada no sertão pernambucano. "Em Serra Talhada, respiramos a cultura do cangaço, o legado de Lampião", afirmou. 
 
Fonte:
Assessoria de Comunicação
Ministério da Cultura 

quarta-feira, 19 de agosto de 2015

SANDRA BARBOSA: DA CURIOSIDADE INFANTIL SURGE UMA ARTISTA DE ALMA NOBRE E TALENTOS MÚLTIPLOS

 
Alexsandra Klebya Barbosa ou apenas Sandra Barbosa como a conhecemos é uma expressiva integrante do grupo de Xaxado Cabras de Lampião – O Bando da Cultura do Nordeste, pois sua história de desafios, vivências e lutas está intimamente entrelaçada a trajetória desta trupe de artistas que apresentam e representam a Capital do Xaxado nos 4 cantos do planeta.
“Soubemos que ela esteve presente na platéia quando da apresentação de estréia na feira livre naquele histórico 20 de março de 1995, a segui foi a primeira aluna a se inscrever na Escola de Xaxado, sendo destaque, e assumindo em seguida a primeira vaga de dançarina no grupo, que depois de alguns anos passou a admitir novos integrantes, já que veteranos começavam a segui outros caminhos”. Relata Anildoma sobre o ingresso dessa destemida artista que trás em si as marcas dos 20 anos de criação do grupo.
Interpretou no espetáculo inicialmente a cangaceira Sila com brilhantismo e labor, entusiasmo e disciplina, que a levaram ao posto mais alto, substituir Cleonice Maria no papel da Rainha do Cangaço: Maria Bonita; ficando por muitos anos na linha de frente da trupe, depois seguindo uma curiosa trajetória de primeira vez, torna-se a primeira mulher a tocar zabumba, já que a musicalidade na apresentação é ao vivo; depois triangulo e hoje é primeira voz (cantora) do Quarteto Cabras de Lampião, com o mesmo talento e brilhantismo de sempre, têm arrancado aplausos por onde passa.

Sua vida desde a adolescência quando passa integrar esse expressivo Grupo de Cultura Popular está entrelaçada a família Souza/Santos mentores desde feito, que transformou o legado histórico e cultural de lampião em espetáculo artístico digno e de um alcance extraordinário levando muitos jovens a se encantar com a história do cangaço ‘nove foras a parte violenta’, e disseminar essa beleza artística deixada pelos bandoleiros do sertão, da musica a dança, da vestimenta a literatura, por inúmeros Estados do Brasil e fora das fronteiras nacional.
Sandra, também foi a primeira fora do clã familiar a integrar a diretoria da Fundação Cultural Cabras de Lampião como tesoureira da entidade. “São muitos os predicados que compõem essa pessoa que cresceu e evoluiu entre nós, em tamanho, conhecimento e grandeza de cidadã consciente de seu papel na cultura nordestina e brasileira”, frisa ainda Anildoma.
A menina, moça, ora mulher Sandra Barbosa, na atualidade cursa Licenciatura em Educação Física na FAFOPST, presta serviço a FCCL como recepcionista no Museu do Cangaço, é dinâmica, alegre, simpática e muito competente, entre seus inúmeros talentos, destacamos sua passagem pelo teatro atuando como atriz com destaque, é conselheira e amiga/irmã na trupe e está sempre disposta à ajudar.

No mês de seu aniversário e sempre nossos aplausos para você.

sexta-feira, 14 de agosto de 2015

O SERTÃO - CONSELHO ESTADUAL DE POLITICA CULTURAL

Vamos parar de chorar e partir pra cima, com bravura  e coragem, para ocuparmos os espaços de decisão.
O Governo de Pernambuco, através da Secretaria de Cultura, decidiu ampliar os períodos de inscrição nos processos eleitorais dos novos conselhos estaduais de Cultura.
Em junho deste ano, o Governo de Pernambuco publicou os dois Editais que convocam a sociedade civil a formar o colégio eleitoral que indicará os membros que comporão o Conselho Estadual de Preservação do Patrimônio e o Conselho Estadual de Política Cultural. Cada Edital estabelece as normas para a realização do processo eleitoral de cada um dos conselhos. A definição dos conselheiros se dará, portanto, a partir de eleições distintas. No caso do Conselho de Preservação do Patrimônio, as inscrições estão abertas e seguem até 31 de agosto. Posteriormente, de 11 de agosto a a 14 de setembro, acontecerá o processo de inscrição do Conselho de Política Cultural.
Acesse o link abaixo e tenha mais informações.
Entregue sua inscrição no MUSEU DO CANGAÇO, na Estação do Forró, em Serra Talhada, das 8:30 às 12 horas, e das 14 às 17:30 min. INFORMAÇÕES: MODESTO LOPES DE BARROS: (87) 3831 3860 E (87) 99962 7618.

quinta-feira, 13 de agosto de 2015

EDITAIS DE MÍDIA LIVRE E CULTURA DE REDES ENCERRAM INSCRIÇÕES DIA 18

Terminam na próxima terça-feira (18) as inscrições para os editais de Pontos de Mídia Livre e de Cultura de Redes, lançados em julho pelo Ministério da Cultura (MinC), por meio da Secretaria da Cidadania e da Diversidade Cultural (SCDC). Juntos, os editais destinarão R$ 10 milhões a 140 iniciativas culturais.
Com investimentos de mais de R$ 5 milhões, o Edital de Cultura de Redes é destinado a entidades e a coletivos culturais, certificados ou não como Pontos de Cultura, e irá fomentar redes culturais brasileiras locais. Serão 40 prêmios de R$ 50 mil para projetos de abrangência local, 10 de R$ 100 mil para projetos de abrangência regional e 10 de R$ 200 mil para iniciativas com escopo nacional.
Já o edital de Pontos de Mídia Livre, lançado pela SCDC em parceria com a Secretaria do Audiovisual (SAV) do MinC e o Ministério das Comunicações, distribuirá R$ 5 milhões em 80 iniciativas divididas em três categorias. Serão premiadas com 10 iniciativas de abrangência nacional, que receberão R$ 100 mil; 25 de abrangência estadual, que receberão R$ 40 mil; e 45 de abrangência local ou municipal, que também receberão R$ 40 mil.
São considerados Pontos de Mídia Livre as entidades e coletivos culturais que tenham desenvolvido trabalhos, ações e atividades em qualquer suporte típico das comunicações (texto escrito, som, imagens, vídeos e multimeios) e se utilizem tanto de suportes físicos quanto eletrônicos voltados para atividades de cultura e comunicação. 
Como se inscrever
Para os editais, as inscrições poderão ser feitas pelo Salic Web, de forma on-line. Caso prefira realizar a inscrição por via postal, a mesma deverá ser enviada com aviso de recebimento obrigatório (AR) simples ou entrega rápida, fazendo constar no endereço:
Prêmio Pontos de Mídia Livre - III Edição
Edital de Divulgação n.º 01 de 03/07/2015
Ministério da Cultura/MinC
Secretaria da Cidadania e da Diversidade Cultural/SCDC
Coordenação de Seleção e Normatização
Edifício Parque Cidade Corporate
SCS Quadra 9, Lote C, Torre B, 9º Andar
Brasília/DF - CEP 70.308-200
Prêmio Cultura de Rede - Fomento a Redes Culturais do Brasil - categoria Local
Edital de Divulgação n.º 03 de 03/07/2015
Ministério da Cultura/MinC
Secretaria da Cidadania e da Diversidade Cultural/SCDC
Coordenação de Seleção e Normatização
Edifício Parque Cidade Corporate
SCS Quadra 9, Lote C, Torre B, 9º Andar
Brasília/DF - CEP 70.308-200
Prêmio Cultura de Rede - Fomento a Redes Culturais do Brasil - categoria Regional/Nacional
Edital de Divulgação n.º 04 de 03/07/2015
Ministério da Cultura/MinC
Secretaria da Cidadania e da Diversidade Cultural/SCDC
Coordenação de Seleção e Normatização
Edifício Parque Cidade Corporate
SCS Quadra 9, Lote C, Torre B, 9º Andar
Brasília/DF - CEP 70.308-200
Para as inscrições por via postal, o envio da documentação obrigatória deve ser feito até o último dia de inscrição (18/8), valendo, para tanto, o carimbo de postagem. Não serão aceitas inscrições feitas fora do prazo. Por isso, não deixe para o último momento.
Fonte: Assessoria de Comunicação do Minc

quarta-feira, 12 de agosto de 2015

CINCO ESCRITORES VENCEM O 3º PRÊMIO PERNAMBUCO DE LITERATURA

Dois livros de poesia e três livros de contos foram os vencedores do 3º Prêmio Pernambuco de Literatura, iniciativa do Governo de Pernambuco, através da Secult-PE e Fundarpe, em parceria com a Cepe Editora. O anúncio aconteceu nesta quarta-feira (12), no Espaço Pasárgada.
O coordenador de Literatura da Secult-PE, Wellington de Melo, destacou que “o grande legado do Prêmio é fomentar cada vez mais a produção, estabelecer um calendário que incentive escritores de todo o estado a organizarem seus trabalhos, refletirem sobre suas obras e as submeterem à publicação”. Nesta edição, 164 autores de todo o estado participaram do processo. Para Ricardo Melo, diretor de produção e edição da Cepe, “esta parceria com a política cultural vai continuar e ser fortalecida nas próximas edições”.
Saudando os escritores e jornalistas presentes na ocasião, o secretário Marcelino Granja também reafirmou o compromisso com a continuidade da iniciativa que, contando com esta edição, já premiou 14 escritores de diversos municípios do estado. “Estamos reafirmando o papel da literatura como arte, como expressão fundante da própria alma do povo brasileiro. Nesta reestruturação do programa de governo para a Cultura, estamos prevendo a continuidade do Prêmio, inclusive com mais recursos”, confirmou o secretário.
fonte: CulturaPE

segunda-feira, 10 de agosto de 2015

FILME DE LONGA METRAGEM COM ATORES SERRA-TALHADENSE TERÁ SESSÃO NESTE SÁBADO

 
Sertão de Sonhos - Filme de longa metragem, que foi trabalhado na cidade de Carnaíba de outubro de 2014 à fevereiro de 2015, será lançado este mês nos cinemas, produzido pela empresa paulista Nova Ideia e dirigido por Douglas França, traz no elenco atores de Serra Talhada como Dorotéia Nogueira, que protagonizou a história, junto com este que vos escreve, além de diversos artistas e técnicos das cidades de Carnaíba, Flores, Afogados da Ingazeira, Custódia, entre outras; com locações na zona rural e urbana de Carnaíba.
O Filme foi realizado a partir do espetáculo teatral de mesmo nome escrito por Cauê Rodrigues, quando morou em São Paulo, onde foi produzida e dirigida pelo próprio autor, obtendo bastante sucesso nos palcos paulista, foi quando o jovem Douglas França tomou conhecimento da obra, inclusive vindo a interpretar no teatro o Seu Rosendo, um dos personagens do filme, alguns anos se passaram e ora a obra é transformada em filme, com o objetivo de resgatar a cultura do Sertão explorada recentemente nos cinemas brasileiros, trazendo uma comédia para todas as idades com personagens de características que nada fogem aos típicos sertanejos. Uma família e amigos vivem na roça, a cena acontece em uma casa humilde, o início se dá com a entrada de Biano e Florisvaldo que roubam as calças do capataz Severino enquanto tomava banho no riacho; o desaparecimento de uma rapadura é a chave para muita confusão e se torna o desfecho dessa atrapalhada história, cheia de peripécias e muito humor.
A Produtora Nova Ideia: www.produtoranovaideia.com.br - A empresa iniciou suas atividades em 2006. Ela vem se consolidando e expandindo-se ano a ano no mercado, levando para seus clientes e parceiros um serviço, ético, com compromisso, alta qualidade, comprometimento nas melhores finalizações, com profissionais que se mantém periodicamente capacitados em novas tecnologias acompanhando o desenvolvimento do mercado, gerando confiabilidade para seus projetos.

“Visando sempre proporcionar aos patrocinadores e apoiadores o máximo de visibilidade positiva de seus trabalhos. Trazendo novas diretrizes para um público que tem ânsia de projetos, curtas e longas-metragens diferenciados, com enredos muito bem construídos e sempre levando a um objetivo final, com intuito de provocar uma formação de opinião nos telespectadores”. Frisa Douglas França, já sobre o Filme ele diz: “Esta obra já passou por 5 releituras, sendo 4 para teatro aqui em São Paulo e 1 para o cinema que gravamos no interior de Pernambuco.  O texto surgiu da paixão pelo nordeste e uma vontade de retratar para os paulistanos a vida sertaneja de uma forma cômica, levando em consideração todas as falas e trejeitos, não tendo como foco principal a pobreza e a seca, mas sim sua cultura”.

Atenção para as datas e Locais de exibições:
Dia 15 de Agosto na Cidade de Serra Talhada - PE as 20h
            Dia 16 de Agosto na Cidade de Flores - PE as 14h
            Dia 19 de Agosto na distrito de Fátima - PE as 18h
            Dia 20 de Agosto na Cidade de Afogados - PE as 20h
Salientamos que o acesso é gratuito.

sexta-feira, 7 de agosto de 2015

‘A GENTE SE DESCOBRE NA DANÇA’, DIZ RICKY LACERDA EM ENTREVISTA


Hoje publicamos essa entrevista da revista INFOSERTÃO com nosso dançarino Ricky Lacerda, para conhecer um pouco mais sobre sua carreira, que ele diz ser a melhor. Nascido na Terra do Xaxado, sua paixão não poderia ser outra. Ricky Matheus Cavalcante de Lacerda, com 18 anos, vem de uma de família simples, mora com sua mãe e irmã num bairro de classe média em Serra Talhada. Começou a dançar com 10 anos. E hoje nos concedeu o privilegio de conhecer um pouco mais da sua carreira artística.

INFOSERTÃO!: O que levou você a tomar a decisão de entrar para o grupo de xaxado cabras de Lampião?
Ricky Lacerda: O que me levou a entrar no grupo foi a minha imensa curiosidade de descobrir como os integrantes do grupoconseguiam fazer com tanta precisão passos tão complexos, tamanha foi minha curiosidade que acabei começando a participar dos ensaios, logo me tornando
um integrante do grupo.

INFOSERTÃO!: Você junto com o grupo já fez apresentações fora do Brasil?
Ricky Lacerda: O grupo já viajou duas vezes para Venezuela, e agora estamos nos preparamos para uma turnê no exterior.

INFOSERTÃO!: Foi por influência de alguém que você começou a dançar?
Ricky Lacerda: Não, comecei assistindo e agradei-me, conversei com os coordenadores do grupo e eles me deram a oportunidade de participar do grupo.

INFOSERTÃO!: Já aconteceu de você errar o passo, esquecer, se atrapalhar?
Ricky Lacerda: Já sim, diversas vezes, mas nos temos toda uma preparação para sairmos dos erros sem que o público perceba.

INFOSERTÃO!:Antes de entrar para o grupo você já tinha contato com a dança?
Ricky Lacerda: Não, foi a partir do xaxado que comecei a me interessas por outros tipos de dança.

INFOSERTÃO:! Quais os ritmos que você dança além, do xaxado?
Ricky Lacerda: Muitos! Frevo, caboclinho, ciranda, coco, reisado, samba de coco, entre outros.

INFOSERTÃO!: Qual a importância da dança em sua vida?
Ricky Lacerda: A dança é tudo para mim, é na dança que a gente se descobre, desde muito pequeno faço isso, de algum modo a dança se tornou extremamente importante pra mim.

INFOSERTÃO!: Então você esta dizendo que a dança mudou a sua vida?
Ricky Lacerda: Sim, pois tive a oportunidade de conhecer pessoas incríveis, lugares exuberantes, que talvez eu jamais conheceria se a dança não fizesse parte da minha vida.

INFOSERTÃO!: Qual a sensação ao subir pela primeira vez ao palco?
Ricky Lacerda: Muita vergonha, mais rapidinho me familiarizei com o ambiente depois que me acalmei ficou bem mais fácil.

INFOSERTÃO!: Com quantos anos começou a dançar?
Ricky Lacerda: Com 10 anos, porem profissionalmente só com 15.

 Infosertão!,Serra Talhada, junho, 2015

quarta-feira, 5 de agosto de 2015

ARTISTA PLASTICO SERRA-TALHADENSE PARTICIPA DO SALÃO DE BELAS ARTES EM SÃO PAULO COM APOIO DA SECRETARIA MUNICIPAL DE CULTURA E TURISMO


 O artista plástico Aluízio Fernã, é finalista do Salão de Belas Artes de Piracicaba (SP), e se fará presente ao evento graças – primeiramente ao seu talento ímpar - e ao apoio da Secretaria de Cultura e Turismo da Capital do Xaxado. O mesmo é responsável pelas oficinas de DESENHO ARTÍSTICO E PINTURA EM TELA dentro do movimento Cultura Viva, ação da SECULT que promove diversas oficinas de formação artísticas.
 A Obra de Aluizio Fernã selecionada para o Salão em 2015 foi “ARANDO TERRA”, e fica em exposição no 63º SALÃO DE BELAS ARTES DE PIRACICABA, em São Paulo, o mais conceituado salão de arte do país. O Salão de Belas Artes de Piracicaba, SALÃO FIGURATIVO DE LINGUAGEM ACADÊMICA TRADICIONAL, é uma promoção da Prefeitura do Município de Piracicaba, por intermédio da Secretaria Municipal da Ação Cultural e Pinacoteca Municipal “Miguel Dutra”.
 A edição desse ano recebeu 331 trabalhos e selecionou 71 obras para participar, “é uma grande honra poder fazer parte de uma exposição ao lado de grandes mestres da pintura brasileira, como Carmelo Gentil Filho, Clodoaldo Martins, Douglas Okada, Marcos Sabidin entre outros que foram premiados e estarão participando da exposição”, revela nosso artista.
 A abertura do Salão será no dia 07 de agosto na Pinacoteca Municipal Miguel Dutra e ficará aberta ao público até o dia 30 de setembro. Aluízio é um dos mais talentosos artistas de Serra Talhada e a Secretaria tem interesse em incentivar os talentos locais na manutenção e produção de seus trabalhos, seja no teatro, na literatura e na musica, no artesanato e nas artes plásticas.

INSCRIÇÕES ABERTAS PARA 2° FESTIVAL DE CALOUROS CANTANDO NA CONCHA

 O 2.º Festival de Calouros Cantando na Concha está com as inscrições abertas. A expectativa do evento, que inaugura a segunda edição no próximo dia 9 de agosto, no palco da concha acústica da Capital do Xaxado, é receber cerca de 100 inscrições. veja abaixo o regulamento pegue sua ficha de inscrição no Museu do Cangaço ou na Casa da Cultura e prepare a voz.
A edição anterior foi considerada um sucesso, tanto de público quanto de projeção de novos talentos da música no município. A vencedora da edição do ano passado foi a jovem Ítala Carvalho, premiada com troféu e um instrumento musical.

       Regulamento do Festival de Calouros
                  Cantando na concha

1 – DA ORGANIZAÇÃO
Art. 1º – O festival de Calouros cantando concha é organizado pela produtora MP3 produções, Rádio cultura FM, e HCR produções.
2- DA INSCRIÇÃO
Art. 2º – A inscrição é aberta aos residentes no município de Serra Talhada, maiores de 12 anos.
A inscrição é gratuita.
Art.3º – Cada calouro, ou dupla, poderá participar com uma única música de sua escolha.
Art.4º – Não há nenhuma restrição quanto ao estilo ou gênero musical.
Art.5º – As inscrições serão feitas através de uma ficha de inscrição anexa a este regulamento.
Art.6º – O calouro será considerado inscrito se cumprir os seguintes requisitos:
A) Preenchimento da ficha de inscrição, com assinatura do calouro, ou responsável caso seja menor de idade.
B) Junto com a ficha de inscrição, o calouro deve entregar um CD com uma gravação do mesmo interpretando a música escolhida, não importando a forma de acompanhamento.
Pois, o que será analisado pela comissão de triagem é o cantor.
C) Neste CD, deve conter uma copia do original da musica, para que a banda possa executá-la, o mais próximo possível do original.
D) As inscrições acontecerão do dia 27 de Julho ao dia 09 de Agosto de 2015.
 nos seguintes locais.
= CASA DA CULTURA (na Praça Sergio Magalhães)
E) A música inscrita passará na pré-seleção das três eliminatórias, não sendo necessária uma nova inscrição.
Art.7º – A organização não devolverá material de inscrição
3 – DA SELEÇÃO
Art.8º – A comissão de triagem fará a seleção, e classificará 36 cantores para participar do festival de calouros cantando na concha.
   A comissão de triagem analisará os seguintes quesitos:
Ritmo, afinação, voz, e interpretação.
Art.9º – Os cantores classificados serão informados antecipadamente da classificação, e em qual eliminatória participarão.
4 – DA APRESENTAÇÃO
Art.10º – O festival de Calouros Cantando na concha acontecerá nos dias 09/16/23/30 de agosto de 2015, às 20hs, no palco e auditório da concha acústica.
Art.11º – A ordem das apresentações dos calouros será definida mediante sorteio.
Art.12° – A Organização do festival de Calouros disponibilizará uma banda composta por grandes nomes da música serra-talhadense, afim de que as musicas sejam executadas com a maior qualidade possível.
Art.13º Os classificados não poderão tocar  instrumentos, nem poderão trazer nenhum musico para acompanhá-los.
§ Os ensaios com a banda do Festival acontecerão na casa do artesão, nos dias:
05/06/07 de agosto para a primeira eliminatória.
 12/13/14 de agosto para a segunda eliminatória
19/20/21 de agosto para a terceira eliminatória
26/27/28 de agosto para a grande final
   Os ensaios acontecerão sempre das 14:00hs as 18:00hs
5 – DO JULGAMENTO E PREMIAÇÃO
Art.14º– A Comissão de triagem, bem como a Comissão Julgadora, nomeada pela Coordenação do Evento levará em conta, para o julgamento dos calouros, os seguintes quesitos:
Ritmo, afinação, voz, e interpretação.
Art15º – A decisão da Comissão de triagem, bem como da comissão Julgadora será soberana e irrecorrível, não cabendo qualquer tipo de recurso contra o resultado.
Art16º – A Comissão Julgadora premiará os classificados do 1º ao 3º colocados da seguinte forma:
          PRIMEIRO LUGAR
= Um troféu
= gravação de um CD com 10 faixas, no mega Studio.
        SEGUNDO LUGAR
= Um troféu
= Um violão
               TERCEIRO LUGAR
= Um troféu
= Um microfone
Art.17º - Os 12 calouros classificados para a grande final receberão troféus.
Art.18º - Ao assinar a ficha de inscrição, o calouro estará dando a organização do festival, o direito legal para gravar áudio e vídeo, e divulgar em CDs, DVDs, internet, rádio TV e etc.  
6 – DAS DISPOSIÇÕES GERAIS
Art.19º – A simples inscrição no festival de Calouros já pressupõe a aceitação e concordância com todos os termos do presente regulamento.

Art. 20° - Todos os casos não previstos nesse regulamento serão resolvidos diretamente pela Equipe de Coordenadores.